Com produção orgânica, Escola Nacional Florestan Fernandes promove diálogo sobre agroecologia

Com produção orgânica, Escola Nacional Florestan Fernandes promove diálogo sobre agroecologia

Alimentos produzidos em hortas chegam ao Armazém do Campo, na capital paulista, e oferecem alternativas de hábitos mais saudáveis à população

29/09/2016

Por Nadine Nascimento
Da Redação

                       

A Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF) é referência quando o assunto é agroecologia. Alimentos sem agrotóxicos, sem adubos artificiais ou sementes transgênicas garantem uma relação mais respeitosa com o meio ambiente, além de possibilitar melhor qualidade de vida para agricultores e consumidores. Esse modelo ideal de produção ganha vida no terreno de aproximadamente 120 mil metros quadrados (m²) – localizado em Guararema, no interior paulista –, onde funciona a Escola.

O setor de produção da ENFF mantém duas hortas, conhecidas como Jussara e Mandala, voltadas, especialmente, para a plantação de alface, rúcula, beterraba, cenoura, além de ervas medicinais. O formato circular e o cultivo diversificado permitem um melhor aproveitamento energético e criam defensivos naturais contra pragas.

Todos que desfrutam das atividades de formação na Escola também vivenciam práticas educadoras no contato com essas experiências agroecológicas. Os estudantes cuidam das hortas e aprendem, por exemplo, para que servem cada uma das ervas que são cultivadas.

Os alimentos são destinados, principalmente, para o abastecimento interno da ENFF, mas também são comercializados em mercados da cidade de Guararema. E, mais recentemente, o morador da capital paulista também passou a acessar essa produção por meio do Armazém do Campo. A loja, com produtos da Reforma Agrária, orgânicos e saudáveis, – localizada no centro de São Paulo – foi inaugurada em agosto deste ano.

Assim como a Feira Nacional da Reforma Agrária, realizada no ano passado no Parque da Água Branca, também em São Paulo, o Armazém do Campo busca incentivar a mudança de hábito de consumo das pessoas, mostrando os benefícios de comer alimentos agroecológicos, além de apoiar pequenos agricultores.

“[Abastecer o Armazém do Campo] é uma experiência bastante interessante porque é a chance de, além de comercializar produtos, poder fazer um diálogo com a sociedade sobre o que é a ENFF e a forma como a gente pratica a agricultura aqui, que é um modelo para a Reforma Agrária Popular”, avalia Ana Terra, agrônoma e integrante da coordenação da Escola.

Terra considera que a agroecologia pode revolucionar a forma de produção de alimentos. “É o desenvolvimento de um novo modelo de produção contra o agronegócio, o uso de insumos químicos e de agrotóxicos. É uma alternativa de vida mais saudável para os agricultores e para quem está consumindo esse alimentos”, aponta.

A jornalista Flor Costa, recém-chegada a São Paulo, já fez compras no Armazém do Campo e vê o espaço como uma alternativa de vida aos moradores do bairro Barra Funda, na zona oeste paulistana. 

“Mudei recentemente para cá e a cidade é muito pesada, então eu queria procurar formas de estar mais leve. E me alimentar com esse tipo de alimento é uma dessas formas. Além disso, eu sei que os produtos daqui são produzidos por agricultores da reforma agrária. Assim, eu também posso investir em uma causa que acredito e não dar ainda mais dinheiro para o agronegócio que mata pessoas”, afirma Flor.

A psicóloga Verônica Lopes, adepta da alimentação de orgânicos há cerca de seis anos, destaca que o Armazém do Campo facilitou o acesso da população a esse tipo de alimento. 

“Eu sempre tive dificuldade em comprar orgânicos porque não são muito fáceis de encontrar nos supermercados e são bem mais caros. E eu sempre quis um mercadinho só de orgânicos como este. A gente sabe que o consumo de agrotóxicos a longo prazo faz mal, por isso é importante a informação e o acesso a esse tipo de alimento”, destaca.

Serviço

Armazém do Campo

Alameda Eduardo Prado, 499 – Campos Elíseos

Mais informações: www.facebook.com/ArmazemDoCampoProdutosDaTerra

 

Fechar Menu